sexta-feira, 11 de maio de 2018

Coisas que você não sabia

16 coisas que sempre fizemos de um jeito, mas era a forma errada


Sabe quando o leite derrama, o pão queima e o fone de ouvido cai? Parece que fizemos tudo certo, mas mesmo assim alguma coisa deu errado e não sabemos a explicação. Mas, na verdade, não fizemos do jeito certo! Confira agora 16 coisas que sempre fizemos de uma maneira, mas era a forma errada.

Leia também:

17 usos para a camisinha, além do óbvio


12 usos diferentes que você não conhecia para o removedor de esmalte


11 usos diferentes para velhos conhecidos do lar


Reprodução/KD.co.th

1

Papel alumínio

Na hora de embrulhar aquele alimento que sobrou, sempre rola a dúvida: qual lado fica para fora e qual fica para dentro? Pois bem, o certo é colocar a parte com mais brilho em contato direto com o alimento. O brilho é na verdade um polimento que evita que o alumínio entre em contato direto com a comida, evitando contaminação. Além disso, evita também que o papel grude no alimento. Leia mais.

COMPARTILHEReprodução/Newteen

2

Grampo de cabelo

O grampo de cabelo tem uma parte lisa e outra ondulada, certo? E apostamos que você deixa a parte ondulada para fora. Apostamos ainda que você não sabe, mas esta é a forma errada de prender seu cabelo. A parte ondulada deve ficar virada para dentro, aumentando a aderência e mantendo seu cabelo preso por mais tempo

COMPARTILHEReprodução/Gizmodo

3

Papel higiênico

Sim, existe um jeito certo de pendurar um rolo de papel higiênico no suporte. Ele deve ficar com a ponta para fora e por cima, evitando que o papel encoste a parede e facilitando na hora de puxá-lo. Existe até uma patente de 1891 criada por Seth Wheeler, o mesmo que teve a ideia de perfurar um rolo de papel no meio, ensinando como pendurar o rolo em seu suporte

COMPARTILHEReprodução/Trend Crown

4

Fone de ouvido

Para evitar que os fones de ouvido caiam da sua orelha, uma boa dica é enrolá-los por trás de seu ouvido, passando o cabo por cima. Assim, o fone fica preso pela orelha e não cai mais

COMPARTILHEReprodução/Smithsonian Magazine

5

Macarrão

Alguns erros costumam ser cometidos na hora de cozinhar o macarrão. O primeiro deles é quebrar o macarrão ao meio para colocar na panela; o ideal é colocá-lo inteiro e ir empurrando para dentro com um garfo assim que o macarrão for amolecendo com a água quente. Além disso, alguns chefs de cozinha recomendam não colocar óleo ou azeite na água de cozimento, pois isso forma uma camada de gordura desnecessária. Por fim, depois de cozido, vale a pena passar o macarrão na água fria para interromper o cozimento antes de acrescentá-lo ao molho. Este truque evita que o macarrão passe do ponto e fique muito mole e também ajuda a deixá-lo mais soltinho

COMPARTILHEReprodução/Apndi Dukaan

6

Sanduicheira

Parece um sistema bem simples, mas pode gerar confusão. As luzes da sanduicheira indicam o momento no qual podemos colocar nosso pão para aquecer. A luz vermelha acende logo quando conectamos o produto na tomada, indicando que ele está ligado, e, um tempo depois, a luz verde acenderá também, indicando que a chapa está aquecida e que podemos colocar nosso alimento para esquentar

COMPARTILHEReprodução/Quay Dental

7

Creme dental

A verdade é que não precisamos de tanta pasta de dente na escova. Em vez de colocar pasta de uma ponta a outra, coloque apenas no meio, na vertical, evitando assim o desperdício. Além disso, uma boa dica para aproveitar a pasta até o fim é prender um grampo de cabelo no corpo da bisnaga e ir deslizando por sua superfície, fazendo com que a pasta escorra e desça até a tampa

COMPARTILHEReprodução/The Pioneer Woman

8

Cozinhando os ovos

Jogar os ovos dentro de uma panela com água fervendo não é a melhor das ideias, mas, na correria do dia a dia, é o que fazemos muitas vezes. O certo é contar com a ajuda de uma colher ou concha e colocar gentilmente o ovo dentro da panela, evitando que ele quebre e também que respingue água fervente para fora

COMPARTILHEReprodução/YouTube

9

Micro-ondas

Sobrou macarrão do almoço e você quer esquentá-lo no jantar. Sabia que tem uma forma errada e uma forma certa de fazer isso? O correto é abrir um buraco no meio do prato, deixando o macarrão em formato de rosca, para que ele esquente por igual

COMPARTILHEReprodução/Empirical Zeal

10

Pizza

Sim, tem um jeito certo de segurar a pizza com as mãos na hora de comer. O ideal é dobrá-la levemente ao meio pelas laterais, evitando que caia qualquer parte do recheio e facilitando na hora de levar a pizza à boca. Mas, para alguns, o jeito certo mesmo é usar garfo e faca

COMPARTILHEReprodução/HomeHacks

11

Latinha de refrigerante

Aquele anel da latinha de refrigerante tem uma função específica, você sabia? Nada de arrancá-lo! O anel pode servir para você colocar o canudo em um de seus furos, evitando que o canudo caia

COMPARTILHEReprodução/Raphael Beretta

12

Caixa de leite ou suco

Na hora de servir o leite ou o suco, principalmente quando a caixinha está cheia, às vezes respinga muito do líquido para fora do copo. Uma maneira de evitar é deixar o buraco virado para cima, mais longe do copo, garantindo estabilidade na hora de servir. A forma errada é encostar o buraco mais próximo do copo

COMPARTILHEReprodução/Tri1025

13

Cabo da panela

Aquele furo no cabo da panela não serve (apenas) para você pendurá-la no escorredor ou armário. Ele na verdade é um suporte para apoiar colheres e utensílios enquanto você prepara sua refeição

COMPARTILHEReprodução/Aconcordcarpenter.com

14

Fios e extensões

Para evitar que o fio se desconecte da extensão, existe uma saída: é só dar um laço frouxo entre os dois. Assim, eles ficam unidos sem o risco de se soltar

COMPARTILHEReprodução/Reader's Digest

15

Tampinha do Tic Tac

Aquela balinha Tic Tac parece nunca sair na proporção certa. Mas a solução está na própria embalagem! A tampa possui um recipiente onde cai a bala, fazendo com que sempre caia apenas uma por vez

COMPARTILHEReprodução/Tri1025

16

Tampa de refrigerante

Apostamos que você não sabia dessa, mas aquelas elevações da tampa de um refrigerante de máquina, comuns em restaurantes fast food, possuem uma utilidade. A tampa pode servir como porta copos para você apoiar a embalagem, evitando que você molhe os móveis

COMPARTILHE

 COMUNICAR ERRO

Veja também

16 coisas que sempre fizemos de um jeito, mas era a forma errada


 

15 momentos marcantes da novela "O Outro Lado do Paraíso"


 

Transtorno Obsessivo Compulsivo: seis famosos que enfrentaram o TOC


 

Comentárioscomentar

Al Avec

2 horas atrás

Dica 6: realmente a sanduicheira é um sistema simples, mas a dica não tem nada a ver e deve ter sido feita por alguém que não conhece o funcionamento desse eletrodoméstico. Assim que ligamos na tomada, o bimetal liga imediatamente a resistência, que começa a aquecer. Depois de uns 3 min + ou -, a luz verde acende, desligando a resistência, que começa a esfriar. Se o aparelho continuar ligado à tomada, o bimetal volta a ligar a resistência outra vez. Ou seja, NÃO TEM NADA A VER ESPERAR A LUZ VERDE ACENDER PARA AQUECER O PÃO.


silviosilvinho

3 horas atrás

- VOTAR NO PSDB ACHANDO QUE É UM LIBERAL MAS TRABALHA DE CARTEIRA ASSINADA. SE TRABALHA DE CARTEIRA ASSINADA NÃO É LIBERAL, TEM QUE VOTAR NAS ESQUERDAS.


tegasparotti64247398

6 horas atrás

Boa Afonso, gostei!


tegasparotti64247398

6 horas atrás

boa Afonso, gostei!


everton.diornes67334

10 horas atrás

1. Dobrar a pizza não para não cair o recheio, e sim para aumentar a rigidez do pedaço. 2. O furo no abridor da lata pode ser usado para o canudo, mas é para economizar material. 3. Não entendi a colher na panela. Não escorre o molho pelo cabo?




Notícias


Fonte: BOL


domingo, 18 de março de 2018

Receita de feijoada

Aprenda a receita de feijoada do restaurante Praça São Lourenço, de São Paulo


Divulgação/ Wellington Nemeth




Ingredientes

3 quilo(s) de feijão preto
1 quilo(s) de carne seca dessalgada
1 quilo(s) de costela
1 quilo(s) de lombo suíno
1 quilo(s) de paio
500 grama(s) de pé de porco
500 grama(s) de rabo de porco
500 grama(s) de bacon
250 grama(s) de cebola branca picada
100 grama(s) de alho picado
2 folhas de louro
500 mililitro (ml) de cachaça
1 laranja cortada ao meio
500 grama(s) de coentro
200 grama(s) de cebolinha verde

Modo de preparo

Em um recipiente com água e gelo, coloque todas as carnes para dessalgar. Nesse processo, troque a água duas vezes ao dia durante três dias, até que saia todo o sal. Deixe o feijão de molho de um dia para o outro. Em um caldeirão, coloque todas as carnes que estavam descansadas e o feijão. Descarte a água dos molhos. Adicione a cachaça, os dois pedaços da laranja e as folhas de louro. Coloque água na panela até cobrir e deixe cozinhar as carnes por cerca de 2 horas. 15 minutos antes de desligar o fogo, acrescente o paio. Quando estiver cozido, retire as carnes e deixe esfriar. Em seguida, retire metade do feijão com um pouco do caldo e bata no liquidificador para engrossar o caldo final. Volte para a panela. Corte as carnes em cubos e volte-as para a panela com o restante do feijão. Pique o bacon e leve à frigideira até dourar. Acrescente então a cebola, o alho, o coentro e a cebolinha. Leve todos os temperos refogados para a panela de feijoada e ferva de 10 a 15 minutos antes de servir.

Fonte: BOL

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Dicas para higienizar a sua geladeira

7 dicas para você aprender a limpar a geladeira de vez


Fique atenta à maneira com que tem guardado seus produtos na geladeira. Isso pode facilitar a limpeza!


Aquela geladeira limpa e organizada, na qual você encontra fácil tudo o que quer, não existe só no Instagram ou nos comerciais da TV.

Tem como cuidar do eletrodoméstico sem gastar muito do seu tempo livre.

Veja também

Limpe a geladeira de forma eficiente e sem causar danos ao eletrodoméstico


Organize sua geladeira e não deixe mais os alimentos estragarem à toa


Tomate, batata e outros alimentos que não devem ser guardados na geladeira


Primeiramente, desligue

A geladeira deve estar desligada (fora da tomada) durante todo o tempo que durar a limpeza. Separe um cooler ou uma caixa de isopor com gelo e coloque todos os alimentos ali, para que se mantenham refrigerados.

Descongelar é preciso

Quem não tem uma geladeira "frost  free" terá de descongelar o freezer sempre que a espessura de gelo nas paredes ultrapassar um centímetro. Além de reduzir o espaço disponível, o excesso de crostas de gelo prejudica a refrigeração. Mas atenção: o ideal é esperar que ele derreta sozinho durante a limpeza — resista à tentação de jogar água quente para acelerar o processo, o que pode comprometer o funcionamento do eletrodoméstico.

Não tenha pressa

Além de retirar todas as prateleiras e compartimentos móveis para lavar — especialmente os que acomodam bebidas, ovos, legumes e verduras —, aproveite para limpar os frascos engordurados e analisar as datas de vencimento dos alimentos. O que está vencido deve, obrigatoriamente, ir para o lixo.

Mistura boa

Para limpar a geladeira de maneira eficiente, sem danificar o eletrodoméstico, os especialistas indicam a seguinte mistura: dois litros de água morna, duas colheres de sopa de bicarbonato de sódio e cinco gotas de detergente. Basta molhar uma esponja macia ou um pano de microfibra — que não solta pelos — na solução e limpar toda a geladeira. Separe outro pano para secar cada peça, o interior e a parte de fora do eletrodoméstico. Antes de ligar, vale deixar a geladeira com a porta aberta por, aproximadamente, 15 minutos.

Limpeza da borracha

A borracha das portas da geladeira e do freezer, com o tempo, criam crostas de sujeira. Para limpar, utilize apenas água morna e detergente, aplicados com uma esponja macia. Finalize a higienização com um pano seco.

Sem cheiro

Para não abrir a geladeira e se deparar com odores desagradáveis, o segredo é guardar os alimentos em potes com tampa — os melhores são os com fechamento hermético. Outra dica é manter sempre um recipiente com café em pó, carvão ativado ou bicarbonato de sódio no interior do eletrodoméstico, para ajudar a absorver qualquer tipo de cheiro que os alimentos possam soltar.

Frequência ideal

Em uma casa com mais de duas pessoas, a recomendação é limpar a geladeira a cada 15 dias. Se você mora sozinho ou com mais alguém — mas não tem o costume de comer todos os dias em casa —, essa limpeza pode ser feita uma vez ao mês. Toda vez que algo for derramado lá dentro, é preciso limpar com um pano úmido imediatamente. O melhor momento para fazer a limpeza é antes de ir à feira ou de realizar uma grande compra no mercado.

Fontes: Renato Ticoulat, fundador do sistema de franquia de limpeza residencial Limpeza com Zelo; Silvia de Souza Calabria, proprietária da Clean Up Limpeza e Segurança, e Taís Aragão, coordenadora de treinamento da plataforma intermediadora de serviços domésticos Parafuzo.

Créditos: Letícia Rós e Marina Oliveira em 07/02/2018

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Hitler e a galinha...

Em uma de suas reuniões, Hitler pediu que lhe trouxessem uma galinha.
Agarrou-a forte com uma das mãos enquanto a depenava com a outra.
A galinha, desesperada pela dor, quis fugir mas não pôde.
Assim, Hitler tirou todas suas penas, dizendo aos seus colaboradores:
"Agora, observem o que vai acontecer"_.
Hitler soltou a galinha no chão e afastou-se um pouco dela.
Pegou um punhado de grãos de trigo, começou a caminhar pela sala e a atirar os grãos de trigo ao chão, enquanto seus colaboradores viam, assombrados, como a galinha, assustada, dolorida e sangrando, corria atrás de Hitler e tentava agarrar algumas migalhas, dando voltas pela sala.
A galinha o seguia fielmente por todos os lados.
Então, Hitler olhou para seus ajudantes, que estavam totalmente surpreendidos, e lhes disse:
"Assim, facilmente, se governa os estúpidos.
Viram como a galinha me seguiu, apesar da dor que lhe causei?_
Tirei-lhe tudo..., as penas e a dignidade, mas, ainda assim ela me segue em busca de farelos."
"Assim é a maioria das pessoas, seguem seus governantes e políticos, apesar da dor que estes lhes causam e, mesmo lhe tirando a saúde a educação e a dignidade, pelo simples gesto de receber um benefício barato ou algo para se alimentar por um ou dois dias, o povo segue aquele que lhe dá as migalhas do dia."
ESSA É A VERDADEIRA REALIDADE EM QUE VIVEM MUITOS NO BRASIL!

(Autor Desconhecido)

domingo, 31 de dezembro de 2017

De volta na TV em 2018...

Vai reestrear o reality "Pesadelo na Cozinha", apresentado pelo Chef Erick Jacquin que salva restaurantes da falência. O programa que fez muito sucesso em 2017 na Band, volta ao ar na próxima terça, às 22h30min. A atração que dava boa audiência e voltará com novidades.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Entrevista de emprego: o que dizer e o que não dizer...



Recrutadores entregam as piores frases para usar em entrevista de emprego
Getty Images
Escolha bem o que falar na hora da entrevista para não pegar mal
Estar frente à frente de um entrevistador é algo que sempre gera tensão. Nesse contexto, usar frases feitas pode parecer uma boa alternativa para impressionar. Mas vale ficar atento: muitas delas podem ser interpretadas pelos especialistas de forma totalmente diferente da esperada. Conheça algumas, a seguir.
Veja também
O que você fala: "Meu pior defeito é ser perfeccionista".
O que o recrutador entende: que você tem necessidade de se supervalorizar, o que pode ser uma forma de compensar a baixa autoestima. Além disso, o recrutador pode colocar em dúvida a sua agilidade nas entregas: afinal, para quem tem um alto nível de exigência, o trabalho nunca está bom o suficiente.
Melhor dizer: "Como todo mundo, tenho pontos a melhorar. Ultimamente, tenho trabalhado bastante para superar... ". Vale citar um defeito seu, real, como a falta de paciência.
O que você fala: "Sou flexível, me adapto fácil".
O que o recrutador entende: que você não tem muita personalidade ou pode apresentar dificuldade para se posicionar diante de temas relevantes.
Melhor dizer: "Tenho facilidade de perceber as necessidades de mudança e planejar minhas ações em um novo cenário".
O que você fala: "Quais são mesmo os benefícios dessa vaga?"
O que o recrutador entende: que você está mais interessado na remuneração do que no trabalho que irá desempenhar.
Melhor dizer: o melhor é não fazer esse tipo de questionamento no momento da entrevista. Procure saber antes todos os detalhes da vaga. Se já sinalizou sua pretensão salarial e foi chamado para essa etapa, provavelmente os benefícios serão condizentes com a sua expectativa inicial.
O que você fala: "Saí do meu antigo emprego porque meu líder nunca reconheceu meu valor".
O que o recrutador entende: que você é imaturo, gosta de posar de vítima e não consegue mostrar resultados. Aliás, fazer qualquer menção negativa ao emprego anterior é algo que pega muito mal durante a entrevista.
Melhor dizer: "Estou buscando a oportunidade de crescer nessa área -- ou em uma nova área, se for o caso -- e de assumir desafios novos". Se possível, relacione as atividades que espera desempenhar às características da vaga.
O que você fala: "Sou fluente, mas estou com o inglês enferrujado".
O que o recrutador entende: que você não foi sincero ao montar o seu currículo. Você deixará a mesma impressão ao citar uma outra habilidade qualquer no currículo, se não for capaz de atestá-la, na prática.
Melhor dizer: a verdade. Se você não é fluente, informe o seu nível de conhecimento do idioma.
O que você fala: "Não tenho exemplo de resultado ruim, sempre bati minhas metas".
O que o recrutador entende: que você está mentindo ou, então, que é tão orgulhoso que não consegue reconhecer as próprias falhas.
Melhor dizer: "Recordo um momento em que tive que redirecionar minhas ações (descreva resumidamente), já que o resultado não atendeu aos objetivos iniciais". O importante é falar com tranquilidade sobre um erro que cometeu e evidenciar que ele foi superado e o ajudou a orientar ações futuras.
O que você fala: "Preciso muito desse emprego".
O que o recrutador entende: que você está apelando para o emocional, o que costuma ser a última cartada quando o próprio entrevistado reconhece não ter todos os pré-requisitos necessários para assumir o cargo.
Melhor dizer: "Tenho muito em comum com a cultura da empresa e a vaga está perfeitamente alinhada com os objetivos que tenho para a minha carreira".
Fontes: Allessandra Canuto, coach especialista em gestão estratégica de carreiras. Cristiane Santos, coach e diretora da Esternare. Luciana Tegon, coach e sócia diretora da Consultants Group by Tegon, consultoria especializada em recrutamento, seleção, outplacement e recolocação de executivos. Maristela Serpejante Porfirio, coach e fundadora da MS People e www.uol.com.br

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Veja como tirar mofo...

Vinagre, limão e mais ingredientes para acabar com o mofo em casa
Getty Images
Se o bolor é superficial, borrife vinagre branco e espere pelo efeito clareador
As fórmulas caseiras mais usadas contra o mofo são feitas à base de vinagre. Ele tem ação bactericida e não prejudica a saúde, se comparado a produtos de limpeza pesada. Bicarbonato, azeite, sal e limão também estão entre os itens usados contra o bolor. A seguir, saiba fazer misturas alternativas para acabar com variados tipos de fungos na sua casa.
Armário e despensa
Primeiro, retire tudo de dentro. Para eliminar o cheiro de guardado de roupas e embalagens, borrife vinagre branco nelas e coloque-as ao sol. Se estiverem mofadas, será preciso lavar ou, no caso de alimentos, jogar fora, mesmo. Limpe a parte interna dos móveis com um pano umedecido no vinagre. Depois, para arejar, deixe as portas abertas ou ligue o ventilador em frente, até secar bem. Nunca guarde tecidos dentro de sacos plásticos, pois eles não deixam a roupa "respirar".
Roupas e toalhas
Manchas de bolor novas podem ser removidas com apenas uma lavagem. Já as mais antigas e escuras, em peças brancas, são limpas com a aplicação de uma misturinha feita com 5 colheres de sopa de cloro, 3 colheres de sopa de açúcar (que serve para neutralizar a ação oxidante do cloro em tecidos) e 5 colheres de sopa de água morna. Deixe a solução agir por algumas horas e, depois, lave com água e sabão.
Ambientes sem ventilação
Para acabar com o cheiro forte de cômodos abafados, escuros e fechados, coloque serragem de cedro dentro uma meia-calça velha e pendure-a atrás da porta. O cedro sugará a umidade do local. Outra técnica eficiente é espalhar pelos cantos vários sachês de sândalo ou pequenas pedras de carvão embrulhadas em jornal. Quando estiverem muito molhados ou mofados, é hora de trocar.
Móveis de área externa
Em ambientes ao ar livre, a madeira de decks, bancos e mesas de varanda e jardim podem facilitar a proliferação de fungos. Para não ter que descartar esses móveis, você pode impermeabilizá-los anualmente com tinta resinada, esmalte impregnante ou verniz náutico. No dia a dia, a limpeza deve ser feita com uma flanela umedecida em vinagre de vinho e azeite de oliva. Se quiser lavar, utilize apenas água fria e sabão neutro.
Ralos e pias
Para matar os fungos que causam o bolor (e as mosquinhas que fazem dele "ninho" para suas larvas), coloque dentro de um borrifador 1 copo de álcool e uma pequena porção de cravos da índia. Depois, aplique a solução nas áreas afetadas. Para se prevenir, lave sempre as bordas de ralos, com uma escovinha, e mantenha a bancada da pia seca após o uso. Sem água, os insetos perdem o alimento e não se proliferam.
Paredes
Se o bolor é superficial, borrife vinagre branco e espere pelo efeito clareador. Agora, se as manchas estiverem impregnadas, aplique tinta de parede impermeável. Porém, antes de pintar, lixe a superfície e lave-a bem para eliminar os fungos. Essa limpeza pode ser feita com água oxigenada diluída em pouco de detergente neutro. Com uma escova de cerdas duras, esfregue bem, deixe agir por 10 minutos e enxágue.
Getty Images

Teto do banheiro
Para evitar bolhas e pontos pretos provocados pelo vapor do banho quente, instale no alto, sobre o armarinho ou escondido atrás do chuveiro, um saquinho preenchido com giz de lousa. A cal do giz absorve a umidade. No entanto, o problema não se resolverá se você não deixar a janela do banheiro aberta após o banho.
Azulejos e área do box
Esfregue uma esponja de cozinha velha embebida em suco de limão sobre azulejos, canaletas de box e rejuntes; depois, lave com água. Por ser ácido, o suco do limão ajuda a combater os fungos. Já as cortinas do box, em geral, devem ser deixadas de molho em 1 litro de água com 4 quatro colheres de sal até as manchas desaparecerem.
Pisos cerâmicos e rodapés
Antes de limpar é preciso descobrir o foco do bolor, que pode vir da umidade do solo, da falta de uma secagem correta ou de infiltrações. Solucionado o problema, limpe esses locais com bicarbonato de sódio diluído em água: 1 colher de bicarbonato para cada 1 litro de água. Após secar, evite usar produtos à base de silicone ou cera, que criam uma camada gordurosa sobre os revestimentos e favorecem o acúmulo de matéria orgânica em decomposição.
Geladeira e máquina de lavar
Borrachas de vedação, frestas e vãos acumulam água e umidade facilmente. Para eliminar os microrganismos, separe meio litro de água morna e adicione 1 colher de sopa de bicarbonato de sódio e um sachê de chá de hortelã. Vire um pouco dessa solução em um pano e limpe o interior do cilindro da máquina e as paredes e prateleiras da geladeira. Depois passe um pano para secar.

Fontes: Carol Rosa, personal organizer e influenciadora digital, Cynthia Ewer, autora do livro "Acabe com a Bagunça". & www.uol.com.br

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Primeira vez do índio no bordel

Um índio foi ao bordel e disse:

– Índio qué mulhé. Índio tem dinheiro!
A dona do bordel perguntou:
– Índio tem experiência? Já fez antes?
Índio apressado respondeu:
– Índio primeira vez.
A dona do bordel ponderou:
– Então, índio vai no mato, procura um buraco numa árvore, aprende como se faz e depois volta aqui.
Uma semana depois, o índio voltou ao bordel:
– Índio qué mulhé. Índio tem dinheiro. Índio já aprendeu.
A dona do bordel, então, mandou o índio subir para um quarto,
no qual, já havia uma moça esperando por ele.
O índio subiu, entrou no tal quarto e mandou a mocinha tirar a roupa e ficar de quatro.
Depois, pegou um pedaço de pau e começou a espancar as nádegas dela. Aos gritos, a dita cuja pergunta:
– Índio tá maluco? O que você está fazendo?
Ele responde:
– Índio tá vendo primeiro se tem formiga no buraco!

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Treinamento Outdoor, na praia...

Bom dia!

Esta semana a MoviMax realizará  dois dias de treino Outdoor na praia , dia 19/10 e 20/10(Quinta e Sexta-feira)!

Horário: 17:00 às 22:00 horas
Local: Praia ao lado do Bicicross, na quadra de areia próximo à ponte do Indaiá depois da Sabesp.

Estão todos convidados !
Aguardamos vocês!
MoviMax - Studio Personal !
"O seu desafio é o nosso desafio e os obstáculos venceremos juntos."

Professor Weliton Martins  (Ton)

Treinamento na praia

Bom dia!

Esta semana a MoviMax realizará  dois dias de treino Outdoor na praia , dia 19/10 e 20/10(Quinta e Sexta-feira)!

Horário: 17:00 às 22:00 horas



Local: Praia ao lado do Bicicross, na quadra de areia próximo à ponte do Indaiá depois da Sabesp.

Estão todos convidados !

Aguardamos vocês!

MoviMax - Studio Personal !

"O seu desafio é o nosso desafio e os obstáculos venceremos juntos."


Professor Weliton Martins  (Ton)